Print Friendly, PDF & Email

Até as pessoas começarem a se aproximar da quinta década de vida, o envelhecimento raramente tem um grande significado, muito embora seja um processo vitalício que se inicia no nascimento. Somente quando algumas mudanças começam a ocorrer como, rugas, cabelos brancos, necessidade de usar óculos para leitura é que a grande maioria de nós começa a se dar conta que está envelhecendo.


As mudanças físicas ocorrem com todos nós, mas como, e quando ela muda é algo bem específico e individual, cada pessoa envelhece de um jeito. Essas variações  dependem dos Genes, doenças e principalmente do seu estilo de vida, que conversam com sua própria história e determina a  velocidade que este processo ocorrerá.


Existem algumas mudanças relacionadas ao envelhecimento que não podemos evitar, agora, para alguns casos podemos dizer que existe algumas fórmulas “mágicas” como por exemplo, para os cabelos brancos que basta uma tintura.

No entanto, de maneira geral, a rapidez ou a lentidão de seu processo de envelhecimento é influenciado por quão bem você cuida de si mesmo. As mudanças com frequência atribuídas ao envelhecimento são na verdade atribuídas a inatividade, ao fumo, a uma dieta pouco saudável e a outras escolhas de estilo de vida.


Vou citar a baixo algumas alterações e como você pode agir, sabendo como reagir, você poderá ajudar a frear esse processo de envelhecimento independente da sua idade.


– Alterações no cérebro com a idade


Com o passar do tempo o cérebro perde algumas estruturas. Alguns dos neurônios se perdem, mas novas conexões são criadas nas células remanescentes, e novas células nervosas podem ser formadas em algumas partes o cérebro mesmo no envelhecimento. Com bilhões e neurônios e trilhões de conexões entre eles, o cérebro possui mais células do que necessita.


O que podemos fazer?

Comer alimentos nutritivos é muito importante para manter os nervos saudáveis. A uva, morango e espinafre contém antioxidante e ajudam nesse processo, as vitaminas do complexo B ajudam a promover a transmissão do impulso nervoso.

Restringir o consumo de álcool, mais de um drinque pode elevar sua pressão arterial e aumentar o risco de acidente vascular cerebral.


Parar de fumar. Os fumantes tem uma probabilidade de 50% maior de sofrer acidente vascular
Desafie o cérebro aprendendo coisas novas como um idioma (tem vários cursos gratuitos na internet), leia uma revista que não esteja acostumado, faça um caminho diferente, sente em um lugar diferente, se desafie e estimule novas conexões.



– Alterações cardiovasculares


O sistema cardiovascular é formado pelo coração, vasos sanguíneos e sangue. Com o envelhecimento ocorrem mudanças naturais nesse sistema. O coração se torna uma bomba menos eficiente, o vasos sanguíneos ficam gradualmente menos  elásticos. Em geral, essas alterações não afetam o funcionamento cotidiano do coração, principalmente no repouso, um coração jovem e um mais velho tem o funcionamento  bem parecidos.

O que podemos fazer?

Podemos adotar hábitos mais saudáveis e promover uma melhora na nossa saúde

– Fique atento nos fatores de risco:

-consumir alimentos com alto teor de gordura e calorias
-obesidade
-fumo
-falta de exercícios regulares
-emoções represadas
-estresse
-diabetes
-histórico familiar de doenças

Os exercícios físicos também contribuem muito para melhora cardiovascular, eles promovem uma melhoria no funcionamento cardíaco tornando-o mais forte e eficiente. E no sistema vascular, os exercícios melhoram a elasticidade e função circulatória.


Alterações músculo esqueléticas


Durante os anos, principalmente após os 30 anos vamos acumulando perdas ósseas e musculares. As pesquisas mostram que a perda de força e massa óssea tem uma relação estreita com a inatividade, e se você continuar ativo, terá grande chance de manter sua estrutura óssea e muscular bem perto do que possuía na juventude.

O que podemos fazer?

Exercício resistido, mais conhecido como musculação. Esse sem dúvida é o melhor quando o assunto é a melhoria e manutenção da força muscular e massa magra. Mas ele têm outros benefícios bem interessante, como:


-auxilia na melhora do equilíbrio
-aumento da força muscular
-auxilia no controle da pressão arterial
-manutenção da massa óssea
-ajuda no controle da diabetes
-auxilia no controle e diminuição da gordura corporal
-potência aeróbia
Entre outros  benefícios.



Saúde dentária na terceira idade


Visite regularmente seu dentista e cuide da sua gengiva, passe fio dental e escove os dentes frequentemente para evitar futuros problemas, e pare de fumar, eles aumentam suas chances de desenvolver doenças.

Então, permaneça ativo fisicamente, pare de fumar, mantenha um peso ideal e saudável, beba com moderação, esteja com pessoas que você ama, cultive amizades que proporcionem prazer e bons momentos, tenha uma atitude positiva perante a vida, olhe para frente e tenha objetivos, sempre existe algo a se fazer não importando a sua idade, tudo é uma questão de atitude.


Vamos começar?


Comece devagar e acumule no mínimo 150 minutos de caminhada por semana, seja uma pessoa ativa, fuja de usar carro para tudo, suba alguns degraus, procure um parque perto de casa, coloque uma música e dance, brinque…e se movimente.
Faça alongamentos e sinta seu corpo mais solto.
Visite seu médico antes de começar, e quando começar respeite sempre o seu limite.


Algo para inspirar você.

Aos 89 anos Mary Fasano tornou-se a pessoa mais velha a se formar pela  universidade de Harvard.

Benjamim Franklin inventou o óculos bifocais quando tinha 78 anos, por necessidade próprio.

Ronald Reagan foi eleito presidente dos Estados Unidos com 73 anos.
Michelangelo terminou suas últimas pinturas no Vaticano com 75 anos.


Sabe porque essas pessoas conseguiram? Nunca deixaram de acreditar que  era possível.

Comments

comments

Share This